segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Conhecendo a Ford Brasil

Olá pessoas!! Esse post eu preciso fazer, pois não posso esquecer desses dias... Foram dois dias bem legais na minha vida, então preciso relatar aqui, porque se eu for colocar só no Instagram vai faltar espaço. E também compartilhar com quem nunca teve a oportunidade de conhecer de perto uma fábrica. Desde já peço desculpas se falei algo errado, mas estou tentando ao máximo lembrar de tudo, e colocar os nomes certos (vai que alguém da Ford pára aqui... nunca se sabe).
Então, no começo do mês de Novembro conheci o Complexo Industrial da Ford em Camaçari e no começo de Dezembro, depois da competição do Fórmula SAE, nosso time conheceu o Campo de Provas de Tatuí, com direito a voltinha pelas pistas de testes. 
Vamos começar pela ordem...  O complexo industrial de Camaçari eu tive a oportunidade de conhecer um pouco antes de alguns colegas meus, num evento, porém só conheci dois "setores". No Ford Day foi um tuor completo, inclusive o mesmo que eles fariam para os amigos da imprensa, mal sabiam eles que eu sou imprensa (sóQueNão hahaha). A gente viu nesse tour a fábrica de motores, meu amor eterno da vida, juro a vocês que aquele lugar é mais limpo que a casa mais limpa, mais limpo que o nosso quarto, isso por conta dos motores, que necessitam de uma precisão muito boa e qualquer sujeira pode atrapalhar no processo de montagem, principalmente, e futuramente o funcionamento dos mesmos. Daí eles tem toda uma tecnologia para uma outra sala onde são usinadas as peças para que não haja problemas com impurezas e tudo mais. Mas Jenifer o que garante que mesmo com toda a limpeza o motor vai sair de lá ok?! Bom, além de toda essa preocupação, existem os laboratórios de precisão que avaliam as peças e que também fazem testes com fluídos para garantir que o motor não tenha nenhum problema com vazamentos. De lá fomos para a linha de montagem (a agitação mora naquele lugar), você entra e dá de cara com vários modelos alinhados numa esteira com umas 4 fileiras de carros, muitos carros... Prosseguindo dá pra ver as etapas do processo de montagem, as portas que são retiradas para facilitar o acesso do operador, viajando "por cima" para encontrar com o seu carro no fim da montagem. A gente conseguiu ver a montagem de alguns itens elétricos, os pneus que vem direto da Pirelli, descendo a sua "escorregadeira", e o que eu mais gosto de ver é o que eu chamo de "casamento", quem já assistiu algum Discovery da vida mostrando uma fábrica de carros sabe do que eu estou falando, aquele momento em que o motor/transmissão é colocado no chassi, é um processo manual com 4 operadores que precisam alinhar o carro para que os encaixes sejam feitos nos lugares corretos, com um sistema de segurança muito eficaz, pelo meu ponto de vista. Por fim, a parte que eu gosto, também haha, a avaliação final onde são feitos os reparos finais e os erros são encontrados, apesar de todo processo pensado pra ser perfeito e sem falhas, acredite que nesse meio do caminho existem alguns retrabalhos e muitas vezes o carro ainda consegue chegar ao final da linha de montagem com alguns defeitos que passam despercebidos, inclusive muitas vezes o defeito chega no consumidor, todo mundo sabe disso. Depois disso visitamos a parte onde é fabricada as portas, chassi, onde são feitos os ponto de solda da estrutura pelos robôs, enfim, é um lugar mais calmo que não me encanta muito, desculpa hahaha.
Isso tudo que eu relatei aconteceu no período da manhã, quando voltamos do almoço começamos o Eco Sport Familiarization, isso também é feito/exclusivo para amiguinhos da imprensa, e lá estava eu, essa parte foi beeeeeeem legal, primeiro que o responsável pelo projeto veio explicar como foi concebido, os desafios e tudo mais, depois fomos conhecer área por área e podemos tirar dúvidas com quem estava a frente de cada projeto "individual". Vocês não tem ideia de como é criar um carro, principalmente o Eco que ganhou muitos concorrentes durante esses anos, mas é fantástico saber as tecnologias que eles utilizam, os softwares e tudo mais, eu fiquei encantada e assim, é muita coisa pra falar teria que fazer um post só falando do Eco para detalhar as informações que eu tive acesso de lá (faz um tempinho, mas eu ainda lembro... Saí de lá parecendo criança boba querendo contar a todo mundo, e foi na época que eu tava sem pc :/ ).
Essa foi a foto a oficial, no estúdio, um lugar de acesso restrito, até mesmo para alguns funcionários. Essa foi a turma e alguns funcionários da Ford que nos acompanharam e nos ensinaram muito durante esse dia. 

A vista ao Campo de Provas de Tatuí
Pra começo de conversa se eu pudesse escolher, eu trabalharia lá com facilidade. Apelidei aquele lugar carinhosamente de "Ford Resort". Bom, o número de pessoas que lá trabalham é bem menor que aqui em Camaçari, até porque né... Nesse campo de provas é onde ficam concentrados grande parte do testes que precisam ser feitos em um carro para visualizar como o mesmo se comporta em vários aspectos, lembrando que não é só feito testes nos carros da Ford eles também testam carros de outras marcas para avaliar em que patamar estão em relação as seus concorrentes, isso é normal, toda indústria faz isso. A gente começou o tuor pelas salas de testes, conhecemos o setor que testa ruídos, conhecemos como eles fazem a captura dos sons externos internos e o que deve ser levado em conta para cada modelo de carro (isso é bem importante).Também conhecemos os laboratórios e como eles fazem a analise da estrutura do veículo, os sensores utilizados, o tipo de teste (isso depende do que você quer analisar), e como iso é revertido para a "tela do computador"... Parece simples, mas não é, eu tenho certeza. Depois fomos para uma parte onde tinha uma "chefa", nessa hora fiquei mega feliz e decidi que queria trabalhar com ela hahaha, ela era responsável por um laboratório para fazer análise de combustíveis (eficiência energética), na verdade não dos combustíveis, mas das misturas emitidas. Pelo que eu entendi ela fazia alguns testes para provar que os carros estavam dentro das leis e muito provavelmente é de lá também que saem documentos para Inovar-Auto... É importante lembrar que o laboratório (que nesse caso eram dinamômetros) precisa cumprir uma determinada norma para que o documento de lá emitido tenha valor. Por fim mais dinamômetro específicos para os motores e uma oficina só para desmontar os motores testados e avaliar a situação das peças, daí pirei de novo, porque eu queria era bem ser esquecida lá e a Ford nem precisava me pagar nada, eu ia ser feliz naquela organização e montando e desmontando motor *-*. Pausa para o almoço e depois só emoção né gente... #PartiuCampoDeProvas e isso é uma experiência indescritível, só vivendo mesmo pra entender, mas a gente chegou a ver muitas pistas cada uma delas para um tipo específico de teste, só posso dizer que foi emocionante e eu tenho que admitir que eu tive que gritar e fechar os olhos uma hora hahaha.
Por fim essa foto, com meu ex-time de Fórmula SAE. Foi um dia incrível demais. OBRIGADA A TODOS QUE ME PROPORCIONARAM ESSAS EXPERIÊNCIAS INCRÍVEIS. 💜
Espero que você, caro leitor, vencedor, que chegou até aqui, tenha gostado de tudo que contei. :D
Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha

domingo, 1 de outubro de 2017

Um bom carro no "Estilo Escandinavo"

Hello meu povo!!!
Ontem (30/09, sábado) teve um "test drive Day" organizada pela Rota Premium-Volvo para apresentar o novo XC60. Dessa vez não deu pra ficar muiito tempo com o carro como o Camaro, mas deu pra ver algumas coisas e conhecer mais do carro através das informações com a gerente comercial e também pelo informativo sobre o carro. Então vamos lá... 
Diretamente da Suécia para o mundo, o que me faz lembrar a decoração no estilo escandinavo que é tão idolatrada por alguns brasileiros, acredito que o mesmo acontece com esse carro, venha tirar suas conclusões. 
Começando pelo painel, a impressão que você tem quando entra é que você está numa nave. A tela de 9" é na vertical, geralmente os carros utilizam essas telas na horizontal. Poucos botões fora dessa tela, é um carro muito conectado. O botão start/stop também não fica no mesmo lugar que os outros carros, ele fica nesse "console", não sei o nome, esse meio onde fica a marcha, e é acionado rolando à direita e pé no freio. Outro item interessante é que o modo de condução é escolhido num "botão" que parece um enfeite, eu juro, brilhoso, inclusive lindo, daí ao acionar ele aparece na tela os modos: urbano, off road e etc. Além disso, na tela sempre fica a mostra o consumo de combustível.
FOTO: GRAXA&BATOM
Dentro dele habita um motor 2.0 turbo de 254 cv. Mas não é potência nem nada dessas coisas que a Volvo vem focando, não que o carro não seja, ele é. Mas a Volvo pretende até 2020 que nenhuma pessoa morra ou tenha ferimentos graves em acidentes envolvendo seus carros (um desafio pra lá de ousado), mas já houve relatos de que o carro é realmente muito bom no quesito segurança. A marca que apresentou ao mundo o cinto de 3 pontos não poderia deixar de continuar inovando nessa área. Além de fazer uma boa escolha para os materiais do chassi, onde os pontos que sofrem impactos mais perigosos estão com materiais mais resistentes, a Volvo traz uma série de itens que evitam que o motorista se envolva em acidentes. Funciona mais ou menos assim, existe alerta pra ponto cegos, se carros/motos/bicicletas/papagaio/cachorro... estiverem passando no ponto cego, uma luz no retrovisor é acionada. Além disso, ele conta com um sistema que faz com que o carro permaneça na faixa (em caso de mão dupla), em situações que o motorista necessite fazer manobras para desviar de obstáculos ele ajuda dando uma "mãozinha" no volante. Na verdade, é um carro semi-autônomo, que está observando o externo e conectado com o piloto para ajudar nas diversas situações. Aliado a bancos projetados para absorção de impacto e cintos que retraem em caso de acidente é um carro para salvar sua vida.
FOTO: GRAXA&BATOM
E você acha que acabou por aí? Não mesmo,como eu falei anteriormente ele é um carro conectado, mas tão conectado que você pode fazer uma rota de viagem e deixar programada que o carro vai mandar um aviso antes desse compromisso através do Volvo on Call e você visualiza isso tudo do seu celular. Você pode ligar o carro a distância e ajustar a temperatura caso esteja muito calor, pode ajudar a achar seu carro,caso seja roubado, travar as portas a distância e mais um monte de coisas que você pode controlar do seu celular. 
FOTO: LHAYS FELICIANO

E pra finalizar eu e o carro né?! Como foi muito rápido não tiramos fotos mais elaboradas, não abrimos o capô :( e eu não dirigi de verdade HAAHAH. Mas a gente finge né mores?!
Por hoje é isso,espero que gostem!
Beijos com Graxa❣
Jenifer Rocha

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

O dia mais improvável desse ano!

Hello meu povoo!!!
Voltamos? Sim, estamos tentando. Algumas muitas coisas aconteceram nesses últimos dois meses. Muita delas me afligiram e quase que eu largava isso daqui de vez. 
Mas recebi tantos "sinais", o universo conspirou tanto pra eu continuar, e cá estou eu, novamente, dizendo que voltei. Dessa vez pretendo ficar pra sempre. Não tenho vergonha de tentar várias vezes, me arrependo? Sim, mas não vou desistir. Porque daqui já surgiram dois projetos muito legais, e por isso estou dizendo que agora vai!! E olha que eles já estão bem escritos viu... AGUARDEM!!
Imagina que louco se eu te dissesse que do nada andei num Camaro?! Pois é migos, uma das coisas que me fez voltar de vez foi essa experiência maravilhosa dentro de um P&$@ carro... Pelas ruas de Salvador. Tive a oportunidade de andar nesse carro e ter o dia mais atípico da minha vida, e foi muito bom.
Mas, como seu sei que muita gente estará aqui por causa do carro então vamos ao que interessa?
A 6ª Geração do Camaro chegou ao Brasil no ano passado e esse mês a imprensa do Nordeste teve a oportunidade de testar os brinqueidinhos, nas versões cupé e conversível. Eu e my friend, que breve vocês vão ver muito por aqui, andamos com o cupé. Nunca presenciei tanto respeito no trânsito como vi andando dentro desse carro. 
 FOTO: GRAXA&BATOM

Histórias a parte, o Camaro vem equipado com um motor  6.2 V8, 462 cv e 62,9 kgfm e vai de 0 a 100km/h em 4,2s. E apesar de trânsito/ruas de Salvador/radar conseguimos chegar a essa marca, sem nem perceber, porque é aquele carro que você mete pé no pedal e ele responde direitinho!! 
Essa versão tinha um câmbio automático de 8 marchas,mas existe também uma versão com câmbio manual de 6 marchas.

    FOTO: GRAXA&BATOM

 FOTO: GRAXA&BATOM

Além disso tudo, o carro é super confortável e cheio de botões legais pra gente "brincar", muita tecnologia, porque o futuro meu povo é conectividade. As luzes internas podem ser alteradas, e estou falando de uma cartela de +/- 25 cores, além disso tem o navegador que funciona muito bem, uma tela touch que tem uma resposta muito rápida, ou é muito sensível, enfim, e essa tela é compatível com o Aple CarPlay e AndroidAuto, com uma conexão quase que instantânea. Você também pode carregar seu celular por indução (se seu celular for bem tecnológico, não é o caso do meu HAHAHA). Vem com 8 airbags, ajustes elétricos dos bancos (eu queria brincar com aquilo pra sempre, juro, porque maturidade mores não vemos por aqui), o ar-condicionado dual-zone e mais uma série de itens.


E pra fechar aquela foto oficial né gente?
Espero que tenham gostado da notícia. Deixa seu cometário, sugestão ou crítica construtiva... Estamos aceitando. :D
Beijos com muita Graxa ❣


P.S.: SE UTILIZAREM AS FOTOS, FAVOR COLOCAR CRÉDITOS

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Ano Velho - Carro NOVO!

Hello meu povo {♡}
Como foram esses dias festivos? Natal/Ano Novo? Espero que tenha sido muito bom para vocês. Já teve textão com reflexão do ano que passou e boas vidas ao ano que se inicia lá no nosso instagram and facebook. Então vamos ao que interessa, começar o ano falando de carro. 😍
E sim, ano velho - carro NOVO. É isso mesmo, não tá errado, e não iremos falar que você precisa trocar de carro, calma, só vem aqui comigo rapidinho.
É do conhecimento da grande maioria que o mundo automotivo é agitado no quesito lançamentos/novidades em tecnologia, design e afins. Mas o carro que é lançado, não é totalmente NOVO. Explicando de uma forma melhor, nem todo lançamento anual é tirado de um projeto do "0". Há carros que sofrem alterações apenas no design, outros ganham novas tecnologias, outros trocam o motor e isso vai depender de cada montadora e o objetivo do time de Engenharia ao fazer cada mudança. Mas existem carros que são realmente novos, digo, no conceito and nome. Até porque, muitas vezes esses carros mesmo com conceitos e nomes novos podem aproveitar alguns itens dos amigos da mesma montadora. E é sobre eles que iremos falar hoje, os carros NOVOS que 2016 nos apresentou e que serão vistos com mais frequência a partir desse ano. Lembrando que, foram só 4, pois só fiz a busca pelas montadoras "mais populares".
Pra começo de conversa vamos de FIAT? A montadora no ano passado apresentou dois modelos que entraram pra família.
O Fiat MOBI veio com um conceito e toda sua campanha foi voltada pra mobilidade urbana, ou seja, veio pra atender a necessidade de quem busca um carro mais compacto e faz uso dele diariamente dentro da cidade. Ele assume o posto de "carro de entrada" da FIAT agora. Além disso, traz uma novidade onde o central de multimídia do carro pode estar no seu celular. Importante, já que estamos entrando numa era onde tecnologia tem sido um item exigido pelos consumidores, principalmente pelos mais jovens. Ele vem equipado com motor Fire Evo Flex 1.0, de até 75 cv de potência (com etanol) e câmbio manual de 5 marchas. Por fim, ele é encontrado em seis versões que tem preços a partir de R$31.900 - R$43.800.

O outro que chegou para concorrer com o Oroch da Renault, lançado em 2015, se não me engano, foi o Toro, que nos foi apresentado bem no começo de 2016. Vem pra categoria picape média, na minha visão. A ideia deles ao desenvolver esse carro foi trazer o conforto e dirigibilidade de um SUV junto à robustez e força de uma picape. Além disso, como eu havia dito anteriormente, veio com algumas novidades na tecnologia que para mim é o "futuro" do mundo automotivo, é por meio dela que os carros vem ganhado uma funcionalidade que antes não existia, a Toro ganhou por exemplo o "Remote Start" que permite ligar o carro a partir de 50 m de distância, aproximadamente, também é acionado o ar condicionado. E para descobrimos o que está no interior desse "bicho" precisamos saber que ele encontra-se em 5 versões e nem todas possuem a mesma configuração. 
Então encontraremos a Toro com motor 1.8 16V Flex, câmbio automático de 6 marchas, 4 portas, 4x2; com motor 2.0 16V Diesel, câmbio manual, 4 portas, 4x2 e 4x4, por fim essa mesma última configuração mas com câmbio automático de 9 marchas. E o que todos querem saber sempre o preço né?! Eles variam de R$77.800 - R$118.480.


A FIAT nos trouxe esses dois, já a Hyundai veio com um novo SUV médio, ou compacto como eles chamam, o Creta. Ele vem misturando os universos off-road e urbano, dando ao piloto e passageiros bastante conforto, e também vem com "Sistema Stop & Go" de parada e partida automática é item de série em todas as configurações. Farol direcional, achei interessante isso. Bom por dentro desse carro você pode encontrar os motores  2.0 de 166cv ou 1.6 de 130cv. E seus preços variam entre R$72.990,00 e R$ 99.490,00.

Por último e não menos importante, a Renault, que inclusive me surpreendeu, trouxe dois lançamentos, eu não esperava. Teve um carro de entrada que é o Kwid, ele vai susbstituir o Clio. Uma das coisas que mais chama atenção é seu motor que é 0.8 de três cilindros com câmbio de 5 marchas, bom ele é carro de entrada e tem o objetivo de baixo consumo. Bem, não tenho muito o que falar é um carro básico sem muitas sofisticações/tecnologias.


Agora é a vez do Captur que chega para a categoria dos SUVs médios, é uma categoria que cada vez mais cai no gosto dos consumidores e a concorrência era "baixa", por conta disso cada vez mais as montadoras estão investindo nesse segmento. Sabemos que o Captur já teve uma pré-venda finalzinho do ano passado e que provavelmente estará chegando as concessionárias pelo começo desse ano. Vem com motor 2.0 16V de 138 CV,  tração 4x4 ou 4x2, e a versão 1.6 chegará depois. O seu preço está estimado em R$89-95mil na pré-venda. Vamos esperar chegar nas lojas para termos essa informação correta.



Bom meus amores por hoje é isso, espero que gostem, seja bem vindo 2017. Começar o ano com uma matéria é assim é maravilhoso, uma superação pra mim, depois conversamos melhor sobre isso ok?!
Espero que vocês tenham gostado.

Ahhh,só mais umas informações, eu tô ligada que o Toro ganhou o moto TigerShark 2.4 (e agora temos um zoo no carro hehe) e que o Koleos (da Renault) que apareceu em outro salão automotivo pelo mundo aii poderá vir pro Brasil. Vamos aguardar né?


Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Especial: Dia do Mecânico"(A)"

Hi povo, 
Ontem foi dia do mecânico e lógico que eu não poderia deixar de aproveitar esse dia e fazer um gancho mostrando a vocês as mulheres que mais me inspiram nesse ramo que é tão difícil ver mulheres atuando. Daí decidi fazer um post só com as mais poderosas que eu venho acompanhando o trabalho e admiro pra vida. Elas são minha inspiração diária, e são elas grandes culpadas por eu continuar e insistir tanto nos meus sonhos. Sério, não é nada fácil, tem horas que dá vontade de desistir, com essa crise então meus amigos, vocês não fazem ideia de quantas eu vezes eu pensei e repensei se eu estava realmente no caminho certo... E volto a dizer, essas mulheres são as pessoas que eu olho diariamente e me fazem acreditar que é possível. 
Pra começar, vou colocar essa bagaça aqui na ordem que eu fui achando as pessoas, eu acho que lembro hahaha.
Pra começar com elas que tem um programa super legal que passa/passava no Discovery Turbo chamado "All Girls Garage". Na verdade, eu conhecia uma das integrantes de um outro programa chamado Overhaulin', pense ela era a única mulher do grupo, na hora que vi isso fui a loucura, e daí eu pensei... "Nossa é possível sim, já tem gente abrindo caminho". O nome dela:  Jessi Combie

Resumindo a longa e inspiradora história dessa moça... Ela sempre foi envolvida com esportes por ter o sonho de ser piloto e tinha uma tendência para artes, e amava fazer tudo com as próprias mãos, trabalhava com metais, couro e fotografias. Ela estudou na WyoTech que é como se fosse uma escola para quem quer trabalhar com essa área automotiva, motores e afins. Se destacou, e foi contratada pela Escola pra construir um carro em 6 meses e apresentar no SEMA. Já sentiram o poder dela né?! Depois disso o pessoal da TV foi convidando ela pra participar de programas, e ela já deve ter feito uns 3, além de estar presente em "Feiras/Shows" do mundo automotivo e também é piloto,lógico.
Para saber mais sobre Jessi, jessicombs.com

A próxima inspiração é amiga de Jessi e também apresentava All Girls Garage. O nome dela é: Bogi 

Do programa ela era uma das minhas favoritas,ela e Jessi (porque eu tinha todo encanto que ela era do "Esquadrão A" de tio Foose). Mas eu sempre gostei muito de Bogi, e pasmem ela não é formada em Engenharia nem nada, inclusive ela foi parar nessa área por conta da insatisfação no atendimento que davam a ela numa loja de reparo. Daí na escola, ela se matriculou na loja de automóveis e começou a estudar bastante, e restaurou seu carro sozinha. Depois ela foi pra uma outra área, e acabou voltando e se formando no Universal Technical Institute e foi em busca de emprego na área automotiva. Ela foi percebendo o quanto era difícil trabalhar nessa área sendo mulher, e também acabou descobrindo o gosto de ensinar. Atualmente ela está a frente do 180 Degrees Automotive, onde além de oferecer serviços ela também ensina mulheres sobre mecânica básica.
Para saber mais sobre Bogi, bogisgarage.com

Chegando no Brasil, finalmente... Minha gente eu ralei pra achar mulher nessa área no Brasil, e eu procuro, na verdade sempre estou em busca de mais inspiração. E e sei que existem muitas, mas não conheço tantas, e uma das primeiras que virou inspiração. O nome dela é: Thais Roland

Gente, a história de Thais vai ser bem "por cima" porque com certeza depois vamos ter uma entrevista completa com ela (porque agora somos migas hahaha). Ela era de uma área totalmente diferente, apesar do ambiente ser também dominado por homens, e decidiu largar sua carreira e se tornar mecânica, hoje ela é restauradora de carros e entende muito sobre mecânica/carros. Ela também dá cursos na oficina onde trabalha, inclusive para homens. Thais é super inspiração e no dia que ela entrou em contato comigo eu surtei né gente!? E aguardem que vocês ainda vão ver a gente aprontar umas coisinhas juntas, se Deus quiser haha.
Para saber mais sobre Thais, você pode acompanhar esse Blog Coisa de Menino Nada 

E por último e não menos importante, uma que eu descobri ano passado MARAVILHOSA que me representa muito, e representa muito o "espírito #GraxaEBatom". E o nome dela é: Patrice Banks

Ela é muito eu, na verdade,um dia eu quero ser ela. Ela é Engenheira e técnica automotiva. Apesar disso, ela está naquela lista das mulheres que se revoltaram com atendimentos e como essa indústria se aproveita da ignorância das pessoas, principalmente das mulheres, daí ela criou seu próprio negócio para ajudar as mulheres. Vou deixar para vocês um trecho retirado do site:
"Patrice criou um modelo de negócios que apóia uma necessidade na vida de milhões de pessoas: serviços, produtos e recursos automotivos que atendem às mulheres com base na confiança, na educação, na inclusão e no empoderamento.
Girls Auto Clinic quer que as mulheres sejam motoristas confiantes e consumidores inteligentes."

Tá bom por hoje né?! Juro, que estou até mais feliz depois desse post. Estão uma das minhas favoritas, não esquecendo das amigas de profissão e da faculdade que me inspiram diariamente e que são meu suporte quando tudo está difícil.
Espero que vocês tenham gostado.
Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha







Blog Graxa e Batom - Todos os Direitos Reservados (C)

Base BL | Design by Colorize